Princesa do Norte

No dia 14 de junho de 1971, quatro lotações começavam a rodar em Montes Claros, sem garagem definida e em local cedido por um amigo, local este conhecido pelo nome de “POSTO BARRETO”, marcando o início de uma revolução do transporte coletivo urbano de Montes Claros. Posteriormente, impulsionado pelo seu espírito aguerrido de empreendedor transfere o serviço para instalações próprias em outro local.
Um jovem empreendedor, Djalma Freitas, encarou o desafio de levar e trazer as pessoas para casa e para o trabalho com uma condução acessível e de baixo valor para os usuários.
Nascia assim, AUTO LOTAÇÃO PRINCESA DO NORTE LTDA, hoje popularmente conhecida como ALPRINO, uma das maiores empresas de transporte urbano do interior de Minas.

Empresa do tipo familiar foi gerida durante trinta e três anos pelo seu patriarca Djalma Freitas, juntamente com seus filhos os quais compõe a diretoria.
Motivado pelo crescimento da população, o quadro de serviço foi ampliado em agosto de 1988.
Em dezembro de 1995 a sede da garagem a qual operava no limite de sua capacidade máxima na Rua Levindo Dias nº 50 bairro São José, é transferida para novas instalações modernas, localizada na Av. Osmane Barbosa 1716 no bairro Planalto, com área de 32.000 m2 e toda intra-estrutura a qual demanda o funcionamento operacional e o complexo administrativo com auxílio de sistemas informatizados por softwares de última geração.

Até 2006 a empresa operava um quadro de serviço de 22 linhas, das quais dezenove eram linhas diametrais (Ligam dois ou mais bairros, passando pelo centro da cidade), e três eram linhas do tipo radiais (Ligam dois ou mais bairros, partido do centro da cidade).
Para a operação do quadro de serviço, a empresa contava com quarenta e sete ônibus do tipo PADRON CONVENCIONAL e três MICRO-ÔNIBUS, devidamente cadastrados na prefeitura, conforme determina a lei 1.637 de 22 de maio de 1987.

O sistema operacional empregava 300 (trezentas pessoas) diretas, sendo cento e vinte e dois motoristas e noventa e nove cobradores, o restante do pessoal era empregado no sistema é dividido entre manutenção e administração.

A idade média da frota era de 4,4 anos e percorria uma quilometragem média programada de trezentos e setenta mil quilômetros por mês, transportando média de 780.000 passageiros/mês, sendo que as linhas apresentavam três características distintas, a saber: alta, média e baixa demanda, atendendo aproximadamente a cento e vinte bairros de Montes Claros.

Em 09 de junho de 2006, o poder concedente e gerenciador, através da Câmara Municipal institiu a lei nº 3.580, que criou e estabeleceu as condições do Transporte Especial para Deficiente Físicos cadeirantes – TRANSPECIAL.

Com vistas a atender a esta lei municipal e pensando no social, ponto este que sempre norteou as suas ações, a empresa disponibiliza 02 microônibus, adaptados com elevador de última geração, com motoristas e auxiliares especificamente treinados para lidar com pessoas especiais de mobilidade reduzida. A empresa como vencedora do certame do edital de licitação 0866/06, concorrência pública número 014/06, assinou um novo contrato com a prefeitura de Montes Claros em 01/10/07 através do qual foi implementada uma nova rede totalmente moderna e com mobilidade que permite integração em todo sistema de transporte coletivo Montes Claros o qual passou a contar com uma frota operante de 57 ônibus com idade média de 2,9 anos, operando 24 linhas, sendo 21 radiais e 3 diametrais. O sistema de TRANSPECIAL foi ampliado para 04 veículos, sendo que além dos dois já existentes, mais dois entrarão em operação, o primeiro entrou em operação 120 dias após a assinatura do contrato e o segundo com 180 dias. Uma Nova frota de ônibus mais modernos foi empenhada no sistema operacional sendo que seis veículos já vieram de fábrica adaptado para atendimento de pessoas com mobilidade reduzida (CADEIRANTES).

Em 09 de junho de 2006, o poder concedente e gerenciador, através da Câmara Municipal institiu a lei nº 3.580, que criou e estabeleceu as condições do Transporte Especial para Deficiente Físicos cadeirantes – TRANSPECIAL.
Com vistas a atender a esta lei municipal e pensando no social, ponto este que sempre norteou as suas ações, a empresa disponibiliza 02 microônibus, adaptados com elevador de última geração, com motoristas e auxiliares especificamente treinados para lidar com pessoas especiais de mobilidade reduzida. A empresa como vencedora do certame do edital de licitação 0866/06, concorrência pública número 014/06, assinou um novo contrato com a prefeitura de Montes Claros em 01/10/07 através do qual foi implementada uma nova rede totalmente moderna e com mobilidade que permite integração em todo sistema de transporte coletivo Montes Claros o qual passou a contar com uma frota operante de 57 ônibus com idade média de 2,9 anos, operando 24 linhas, sendo 21 radiais e 3 diametrais. O sistema de TRANSPECIAL foi ampliado para 04 veículos, sendo que além dos dois já existentes, mais dois entrarão em operação, o primeiro entrou em operação 120 dias após a assinatura do contrato e o segundo com 180 dias. Uma Nova frota de ônibus mais modernos foi empenhada no sistema operacional sendo que seis veículos já vieram de fábrica adaptado para atendimento de pessoas com mobilidade reduzida (CADEIRANTES).

A nova rede conta agora com um sistema de bilhetagem eletrônica. A partir de 01/04/2008 a empresa abriu as suas portas para o ingresso de mulheres em quadro de operadores, sendo que a primeira mulher a ser contratada foi a Motorista Eva, em 08/02/2010, a empresa retoma a contratação de mulheres para a composição do quadro de cobradores, ma vez que no início de suas atividades era comum a contratação de mulheres para esta função. Para manter os operadores atualizados são ministrados vários cursos são disponibilizados através do SEST SENAT, entre eles: Código de Trânsito Brasileiro; Direção Defensiva; condução econômica, motorista de ônibus urbano, cobrador de ônibus urbano, relacionamento interpessoal, sinalização de trânsito e qualidade total no atendimento ao cliente.

Em 08/09/2010, a empresa foi vendida ao grupo Pássaro Verde, sociedade empresária que goza de elevado conceito econômico e social, além de vasta experiência no ramo de transportes. Sua sede fica em Belo horizonte capital do Estado de Minas Gerais. O grupo adquirente das cotas da Alprino realiza uma alteração e o nome da empresa volta a chamar de PRINCESA DO NORTE.

Atualmente, a empresa passa por uma completa reforma administrativa e operacional com mudança de todo o seu corpo diretor. Para tanto emprega engenheiros, técnicos e administradores do mais elevado gabarito profissional, visando oferecer a População montesclarense usuária do transporte coletivo urbano, um serviço de qualidade.

Contato

Av. Osmane Barbosa, 1716 – Planalto-CEP:39404-006 – Montes Claros-MG 
(38) 3201-2525